Participe!

Participe!

quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

Educação dos Filhos


Educar significa fazer crescer, desenvolver as capacidades que trazemos dentro de nós.

Para educar é preciso estar junto para conhecer, dar atenção e estar presente na vida do outro: Perceber suas alegrias e tristezas, sua solidão e necessidades, seu comportamento e suas reações, seus desejos e suas conquistas, seus erros e seus acertos, suas dificuldades e suas habilidades.

Somente conhecendo a pessoa que se quer educar é que se pode : AMAR – CUIDAR – PROTEGER –CONQUISTAR

Conquistando você poderá preparar para a vida , dando exemplo, ajudando a ser livre e independente.

Educar para vida é...
... ensinar a buscar o futuro, mostrar que a vida não é fácil, mas que vencer é possível quando se quer.

quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

RECURSOS DIDÁTICOS E DE COMUNICAÇÃO


“Desde o ensino oral dos apóstolos e das cartas que circulam entre as Igrejas até os meios mais modernos, a catequese nunca deixou de procurar as vias e os meios adaptados para desempenhar sua missão...”(Catechesi Tradendae, 46).

Os grandes progressos da ciência da linguagem devem ser postos a serviço da evangelização.
Pedagogia da Fé + Sistema de Comunicação = Introdução de novas linguagens audiovisuais na Pastoral.

Devemos formar agentes de pastorais para o uso correto dos materiais didáticos.
Os homens de hoje vivem na sociedade da imagem.

Objetivos dos materiais didáticos:
* Reforçar a aprendizagem
* Favorecer a memorização
* Favorecer a socialização
* Manter a atenção
* Despertar sentimentos possíveis de serem trabalhados

Papel do agente:
- Estimular os participantes das reuniões a se comunicarem;
- Romper a passividade;
- Descobrir o melhor momento para utilizar os materiais
- Escolher os materiais adequados ao grupo.

Jesus em sua pedagogia:

* Usa linguagem ao nível dos ouvintes
* Aproveita situações e experiências
* Forma agentes multiplicadores
* Dosa os conteúdos.

Sugestões:
- Utilizar gravuras, dísticos, álbum seriado, jogos, dramatização, CDs, DVD, informática, datashow, etc;
- Aproveitar criticamente revistas, jornais, filmes, documentários, artigos, livros, acontecimentos da vida, elementos culturais;
- Confeccionar cartazes, maquetes, murais, faixas, etc.;

Não podemos esquecer que ...

Toda a formação do evangelizador deve estar finalizada nesta arte da comunicação da fé, pois na ação evangelizadora todas as pessoas são sujeitas da comunicação.
Nesta comunicação, o importante não são tanto os meios de comunicação, mas os gestos interpessoais. É preciso descobrir cada vez mais a linguagem da pessoa: é a linguagem primordial. Daí a necessidade de se exercitar na comunicação humana, afetiva e efetiva como um dos grandes meios de aproximação das pessoas.

quinta-feira, 2 de dezembro de 2010

Dinâmicas para Palestras e Encontros nas Pastorais


1. Conversando sobre Evangelização

Os novos tempos exigem novos métodos de apostolado.

“A ‘novidade’ da ação evangelizadora afeta a atitude, o estilo, o esforço, a programação.
E, ao mesmo tempo exige...
. fé sólida,
. caridade pastoral intensa,
. fidelidade a toda prova,
. mística
e incontido entusiasmo na tarefa de anunciar o Evangelho” (Santo Domingo, 10).


Como realizar esta proposta de Nova Evangelização em nossas pastorais?
Através de...

-> Linguagem e forma acessível, penetrante, válida e profunda, sem alterar ou modificar o conteúdo da mensagem evangélica. (SD 11)

“A nova Evangelização há de dar assim uma resposta integral, pronta, ágil, que fortaleça a fé católica nas suas verdades fundamentais, nas suas dimensões individuais, familiares e sociais”.(SD 11)

2. Métodos na Evangelização

Método: caminho para atingir um fim. É preciso estudar, pesquisar, confrontar experiências, de modo a encontrar o melhor meio de trabalho em nossas comunidades

“Todos os meios aptos ao alcance devem ser utilizados na educação dos fiéis para a vivência eclesial-comunitária, cuja origem e fundamento encontra-se no sacramento do batismo...”(Batismo de Crianças, 18)

Deve-se usar adequadamente a:
-> exposição oral; a incentivação; os recursos didáticos; os métodos e técnicas.

Sugestões de procedimentos: entrevista, visita domiciliar, acolhida, palestra, reflexões, diálogo, celebrações, orações, trabalhos em grupo, avaliação.

Sugestões de recursos: cartazes, álbum seriado, painel, slides, televisão e vídeo cassete, aparelhagem de som , ilustrações, retroprojetor, varal didático, dísticos, etc.

Sugestões de técnicas: cochicho, fotolinguagem, dramatização, sociodrama, grupos de estudo, etc.